Abradisti

Contato
  • Softronic: ‘parcerias fazem toda a diferença’

    Por Abradisti em 04/12/2019 12:10:54

    Novo membro da Abradisti, distribuidora aposta em aumento da capilaridade no Brasil e reforço no portfólio. Confira entrevista exclusiva com Jacques Storch, diretor e fundador da companhia

    Fundada há pouco mais de 13 anos, a história da Softronic se confunde com a de seu diretor comercial e fundador Jacques Storch. Após 17 anos trabalhando na TI de uma multinacional alemã do setor automobilístico, o executivo decidiu unir forças com um amigo – sócio de tradicional empresa do setor têxtil – para fundar a distribuidora, cujo maior foco é a venda de eletrônicos, particularmente periféricos do mercado gamer.

    Desde a fundação, a empresa representou fabricantes internacionais de grande relevância. Trabalhou desde a importação ao desenvolvimento de novas marcas representadas no país, tudo a partir de uma sede na capital paulista e de um centro de distribuição em Serra (ES).

    Durante seu percurso, apostou também em uma marca própria, a Phaser, que chegou a crescer dois dígitos anualmente e ser um dos maiores vendedores de tablets do Brasil - cuja planta fabril estava em Varginha (MG). Veio a crise dos tablets que obrigou a empresa a encerrar a iniciativa como fabricante.

    “Depois de dois anos nos readaptando, começamos uma onda de expansão com novas marcas no portfólio e apenas crescemos, não vimos a crise de 2019 que todos falam”, conta Storch. “Hoje, além da Logitech, temos Trust, Tenda, Philips, Seagate e em breve três marcas internacionais, que vamos começar a distribuir até janeiro. Estamos crescendo principalmente por conta do nosso diferencial que é a parceria com o fabricante, além de rapidez e eficiência na entrega”.

    O bom momento levou a Softronic a se associar à Abradisti, uma estratégia aprimorada para estreitar o relacionamento com os parceiros de canal. Em entrevista exclusiva para o nosso Blog, Storch fala sobre o mercado e o trabalho que vem acompanhando com a associação.

     

    Blog da Abradisti: Qual o foco atual da Softronic? É o mercado gamer?

    Jacques Storch: Todos estão olhando para este segmento, que tende a crescer nos próximos 10 a 15 anos. É um segmento muito relevante para quem faz distribuição. Mas é difícil, extremamente competitivo, compartilhado entre muitas marcas, já que todas estão no Brasil.

     

    Blog: E por que apostar nesse nicho?

    Storch: Principalmente pela qualidade dos produtos e pela inovação. Nossa estratégia é continuar apostando em grandes marcas, mas vamos ampliar para outros parceiros que vendem nesse segmento. Um exemplo é a Seagate, e há outros fabricantes que devemos começar [a distribuir] em janeiro. Nosso foco é vender produtos que são pensados para o consumidor final, não focamos em OEM [fabricantes de produtos para grandes empresas].

     

    Blog: A Softronic tem sede em São Paulo e distribui a partir do Espírito Santo. Há planos para mais CDs no Brasil?

    Storch: Nosso modelo é o mais barato possível. Simulamos se outras warehouses locais iriam trazer vantagens e chegamos à conclusão que aumentariam custos com alguma vantagem de tempo de resposta para poucos produtos. Mas o [tempo de resposta] atual é aceitável, e vendemos para todas as localidades do Brasil. A ideia de não ter CDs regionais leva em conta aspectos do próprio cliente, que é o resultado financeiro da operação.

     

    Blog: Quantas revendas vocês têm no Brasil e qual a estratégia? Aumentar?

    Storch: Com as novas linhas de produto é aumentar nossa capilaridade. É preciso ter um portfólio que o representante coloque em primeiro lugar. E isso creio que conseguimos. Atendemos todos os varejos nacionais, e nos regionais estamos aumentando a participação. O pequeno varejo atendemos muito, com potencial de crescer cinco vezes. Temos 1.500 revendas ativas, e podemos ter 7.500. Além disso damos muito ênfase à internet. Fazemos parcerias com empresas de e-commerce: vendemos, fazemos o faturamento e comissionamos.

     

    Blog: Como a empresa tem se adaptado às mudanças impostas pela transformação digital?

    Storch: No mercado de tecnologia, principalmente de marcas internacionais, há uma tendência crescente de compra via internet. É um mercado que veio para ficar. O que vai fazer diferença? Bons parceiros de marketing para alcançar as pessoas. E isso é difícil. Também é importante ter sistemas adaptáveis às novas modalidades e regras comerciais dos clientes. Esse é o nosso ponto mais forte: como eu vim da área de sistema, somos ágeis e rápidos para nos adaptarmos.

     

    Blog: Qual o objetivo da Softronic ao se associar à Abradisti?

    Storch: São duas: estar junto das iniciativas da associação, como ações judiciais que possam melhorar nossa competitividade, e o compartilhamento de informações com nossos colegas – que são competidores e aliados ao mesmo tempo. Por exemplo, em análise de crédito, ou processos. Queremos aproveitar o conhecimento deles. Há batalhas que não vale a pena serem travadas por uma só empresa. Temas comuns a todos. A Abradisti faz um trabalho excepcional. Nos une em torno de batalhas comuns, com custos menores e eficiência maior.

     

    Blog: A associação mudou o seu relacionamento com os concorrentes?

    Storch: Posso dizer que melhorou um pouco, porque agora há canais de comunicação. Mas nossa visão sempre foi ter os concorrentes como parceiros, não inimigos. Quando importávamos algumas marcas como exclusivas, também vendíamos para outros distribuidores. Portanto nossa relação é longa. Isso criou uma relação de amizade, de reconhecimento mútuo. E tivemos bastante sucesso no trabalho com eles.

     

    Blog: Quais suas expectativas para 2019 em termos de crescimento e faturamento?

    Storch: Com as reformas, passa a haver uma esperança de que a crise fiscal fique para trás. O PIB deve crescer e a dívida diminuir. Vamos ver melhorias no PIB se não houver uma crise internacional. Estou otimista, mas não demais. Sempre digo que a economia é um fator, mas o principal é a estratégia. Nosso DNA é diferente da maioria dos distribuidores: é de fabricante. Pegamos marcas que nunca existiram no Brasil, ou estão completamente arrasadas, e começamos do zero. Fazemos o marketing, [registro na] Anatel, colocamos promotores nas lojas etc. Esse é um trabalho de fabricante, e é reconhecido como diferencial da Softronic. Este ano crescemos bastante, dois dígitos. Ano que vem queremos dois dígitos sobrando.

     

    Para saber mais, acesse os benefícios do associado Abradisti!

    Compartilhe:

    deixe seu comentário

    Assine Nossa News


    Assine nossa newsletter e receba novidades diretamente em seu e-mail